Âmbito e Objetivos

Categoria: apminho
Publicado em 11-06-2017
Escrito por Super User
Visitas: 2314

ECOS DO MINHO

 

| Âmbito e Objetivos

A Ecos do Minho, propriedade da Associação Pediátrica do Minho, é uma revista científica vocacionada essencialmente para Pediatras e para médicos em formação pós-graduada em Pediatria, podendo, contudo, os seus conteúdos ser do interesse de outros médicos e profissionais envolvidos nos cuidados a crianças e adolescentes.

A Ecos do Minho tem como objetivo abranger um vasto leque de temas sobre atualização em Pediatria, prática clínica, investigação e educação médica, adotando, nesta perspetiva, diversas modalidades de divulgação de trabalhos científicos: editoriais, artigos originais, artigos de revisão, casos clínicos e artigos de opinião.

A sua publicação é anual, contando até ao momento com 12 volumes. Os artigos publicados na Ecos do Minho são disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons Atribuição – Uso Não-Comercial – Partilha nos Termos da Mesma Licença. A coordenação dos conteúdos científicos é da responsabilidade do corpo editorial (editor chefe, conselho científico e corpo redatorial) e os textos publicados são da responsabilidade dos seus autores.

Os manuscritos devem respeitar as normas de publicação vigentes e devem ser submetidos por correio eletrónico. Uma vez que um artigo seja aceite pela Ecos do Minho para publicação, esta passa a ser a detentora dos direitos autorais.

 

|Processo de Revisão por Pares

A Ecos do Minho é uma revista científica que funciona na modalidade de revisão prévia dos textos submetidos ao corpo editorial por revisores externos, em anonimado mútuo (peer review). Os manuscritos submetidos são avaliados inicialmente por membros da equipa editorial e aqueles considerados adequados são posteriormente remetidos ao parecer técnico de pelo menos um revisor externo, idealmente perito na área. A revisão é feita de modo anónimo, podendo o revisor sugerir a rejeição do manuscrito, aceitação com alterações de conteúdo e/ou forma ou aceitação sem alterações, sendo o parecer comunicado ao (s) autor(es) pelo corpo editorial.

 

| Política de Acesso Livre

 

A revista Ecos do Minho oferece acesso livre imediato aos seus conteúdos.